Últimas Notícias
Home / NOTÍCIAS DIVERSAS / Sindicato dos Instrutores e Empregados em Auto Escolas ameaça fazer greve em Camaçari

Sindicato dos Instrutores e Empregados em Auto Escolas ameaça fazer greve em Camaçari

O Sindicato dos Instrutores e Empregados em Centros de Formação de Condutores (Siepae) realizou nesta quinta-feira (16), manifestações em frente a 10 das 12 Auto-Escolas existentes em Camaçari, contra o descumprimento do acordo coletivo firmado entre o Sindicato das Auto-Escolas (Sindauto) e o Siepae, em junho deste ano.

Segundo Arlete Faleiro, presidente do Siepae, “apenas dois CFC em Camaçari vem cumprindo a Convenção Coletiva. Estamos realizando atos de alerta, pois, caso os patrões continuem descumprindo o que foi firmado vamos decretar greve”, avisa. E diz ainda, “Já passamos no Iteba, Metropolitana, Nova Idéia, Fenix e vamos seguir para as demais agora”.

Para Edson Vieira, proprietário da Auto Escola 8 de Março, a manifestação foi uma surpresa. “Não conhecia o Sienae. Defendo a democracia, mas imagino que eles deveriam ter nos procurado e conversados conosco. Todos os meus funcionários estão com carteira assinada”, afirmou.

Entretanto, Edson admite que atualmente paga os salários dos instrutores abaixo do piso salarial. “Realmente eles recebem R$ 600, mas pensei que o novo salário iria vigorar em agosto”, declara.

O Siepae reivindica ainda o pagamento de 100% em caso de horas extras. “Muitos funcionários recebem os salários atrasados e não ganham as horas extras trabalhadas quando é devido”, garante Cíntia Sâmara, secretária geral do sindicato.

Remunerações da categoria

Instrutor de trânsito: R$ 700 + R$ 150 de tickte refeição
Aula teórica: R$ 12
Diretor geral e diretor de ensino: R$ 1 mil
Recepcionista: R$ 550

Serviço

Siedae
(71) 3015-1910
E-mail: siepae-ba@hotmail.com

Sindauto
(71) 3341-3085

Por Lenielson Pita

Sobre siepae_adm

Veja Também

AF_8_marco_internacional_mulher_CUT_cartaz40x60

8 de março: mulheres em todos os espaços

Em setembro de 2013, a Plenária Nacional dos Movimentos Sociais aprovou a realização de um ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *